C35: Google Ad-words

Todas as empresas têm necessidade de anunciar e promover os produtos que tem e os serviços que prestam. A isso chama-se marketing e nem sempre é fácil fazê-lo, em especial para as pequenas e médias empresas, a começar pelos custos envolvidos: Custo de estudo do mercado, custo de concepção e preparação da campanha e custo de desenvolvimento e implementação da mesma.

A Internet veio, entre muitas outras coisas, facilitar a vida a quem pretenda fazer marketing, abrindo portas a outras formas de chegar junto dos consumidores, formas mais rápidas, baratas e sem a necessidade de usar grandes meios.

Uma das formas mais populares de marketing na internet é o envio de newsletter para uma lista de endereços de e-mail, situação que hoje em dia se confunde muito com o spam, já que raramente as pessoas da referida lista deram autorização ou mostraram qualquer interesse em receber publicidade da empresa que envia. Por outro lado, o uso e envio das newsletters é tão banal, que a maioria dos internautas já as apaga sem ler.

Perante esta realidade, qual a alternativa para as pequenas empresas?
A empresa Google criou há alguns anos um sistema de publicidade revolucionário, aproveitando a hegemonia que dispõe com o seu motor de pesquisa, sistema que baptizou com o nome “Google Ad-words”. Certamente que todos os que usam o Google já deram conta de uns links em destaque no lado esquerdo do écran…

A filosofia deste sistema é muito simples, como quase todas as ideias geniais. As empresas criam os seus anúncios, escolhem as palavras-chave ou frases para aquilo que querem anunciar e quando alguém pesquisa no google por esses termos, os anúncios são apresentados. É simples, é barato e é eficaz. Em poucos minutos é possível criar uma campanha de marketing e as empresas só pagam quando alguém clicar no link do anúncio.

Neste sistema as empresas podem definir quanto querem gastar por dia, a que horas queremos apresentar a publicidade, quais os termos relacionados, qual a localização dos internautas e a qualquer momento podemos cancelar ou suspender uma campanha. Somos nós que controlamos tudo.

O custo do clique por anúncio varia consoante os termos escolhidos, já que há termos muitos procurados e dessa forma, quando mais no topo da lista quisermos estar, mais caro ficará o custo por clique.

O Google Ad-words tem um custo de activação de 5 euros.

Já existem outras empresas a disponibilizar este serviço, inclusivamente portuguesas, mas tendo em conta que o Google é o principal motor de pesquisa, sugerimos que experimentem o Google Ad-words.

https://www.adwords.com

C26: O universo Google

Para a maioria dos utilizadores de Internet, a palavra Google é sinónimo, apenas, de motor de pesquisa. Na verdade, no início da aventura dos dois empreendedores norte-americanos, o nome da empresa e do motor de pesquisa misturavam-se.

Com o sucesso alcançado com o motor de pesquisa, simples, mas revolucionário, a empresa Google foi conseguindo o apoio de empresas de capital de risco norte-americanas, e, dessa forma, foi sendo possível explorar outros domínios da internet. Hoje, a empresa Google é uma empresa cotada em bolsa, que continua a surpreender e a inovar no universo da Internet.

Na rubrica de hoje, falar da empresa Google e de alguns produtos e serviços que fazem parte do seu port-fólio.

Um dos primeiros serviços criados na alvorada da Internet foi o correio electrónico. Hoje, todos os que usam a Internet já não prescindem desta ferramenta.

Nos últimos anos, os principais fornecedores de serviços gratuitos de e-mail começaram a sentir problemas em disponibilizar caixas de e-mail com elevada capacidade e sem problemas de spam ou vírus.

A empresa Google viu nesse problema uma oportunidade de negócio e lançou um serviço inovador, apelidado de gmail. Este serviço surgiu com capacidade de armazenamento de mensagens com valores nunca antes visto, e sempre a crescer, totalmente grátis, em mais de 40 línguas, com possibilidade de guardar as mensagens no pc e no servidor gmail, protecção de spam, corrector ortográfico incorporado, para além de ser muito simples e intuitivo. Este serviço também tem incorporado a possibilidade de conversar em tempo real com qualquer um dos contactos que também usam o gmail.

Outro produto verdadeiramente revolucionário é o Google Earth. Este programa apresenta um modelo tridimensional do globo terrestre, construído a partir de fotografias de satélite obtidas em fontes diversas. O programa pode ser usado simplesmente como um gerador de mapas bidimensionais e fotos de satélite ou como um simulador das diversas paisagens presentes no Planeta Terra. Com isso, é possível identificar lugares, construções, cidades, paisagens, entre outros elementos.
Este programa permite-nos voar sobre todos os locais do mundo e, por essa razão, já foi posto em causa por alguns países, uma vez que também mostra imagens de zonas militares secretas, por exemplo. Por razões comerciais e legais essas imagens acabam por ser retiradas. Quem quiser voar sobre o concelho de Arruda é muito simples, faz o download do programa, instala e sem sair de casa consegue passear por todo o concelho e, em menos de 5 segundos, pode saltar para a China e ver imagens sobre os locais onde se vão realizar os jogos olímpicos do próximo ano, por exemplo.

Os Ad-words, pequenos anúncios que hoje aparecem em muitos sites e em motores de pesquisa, também foi uma criação da Google.

Este tipo de anúncios permite a qualquer empresa criar uma campanha publicitária em poucos minutos, escolhendo em que tipo de sites quer apresentar os seus anúncios, em que zonas o mesmo deve ser visto, em que horários e pode ainda definir a quantidade de dinheiro que quer gastar por dia ou por semana. Os custos de qualquer companha no “ad-words” são bem inferiores aos modelos de publicidade tradicionais e pode ser totalmente controlada pelo anunciante. Quem anuncia só paga alguns cêntimos pelos cliques dados sobre o anúncio.

Para as empresas que têm um site, este tipo de publicidade também pode ser uma fonte de receitas, já que a empresa google criou uma tecnologia complementar chamada “Adsense” que mostra os anúncios referidos anteriormente. Se eu tiver um site sobre automóveis, por exemplo, podem ser apresentados anúncios só sobre esse tema e por cada clique dado pelos visitantes eu ganho uns cêntimos com isso.

Estes são apenas alguns dos exemplos de como a empresa Google tem inovado na Internet. Outros produtos e serviços têm sido criados, embora ainda não sejam lideres nas preferências dos internautas. Por hoje é tudo sobre a Google, mas em qualquer outro programa podemos voltar a falar sobre esta empresa, uma vez que a inovação e criatividade estão bem gravados nos genes da Google.

C06: Marketing na internet


Com a Internet, novos serviços de marketing têm surgido e tomado uma posição de relevo na vida das empresas e dos consumidores. Aos poucos, a televisão e os meios de comunicação social tradicionais começam a perder terreno para os novos sites e portais e para os novos serviços de marketing que vão sendo criados.

O serviço de marketing mais utilizado é o envio de newsletters. O conceito é simples e apoia-se nos tradicionais folhetos ou brochuras que são distribuídos em feiras ou enviados para as caixas de correios. Com as newsletter, as empresas enviam informações sobre os seus produtos e serviços via e-mail, com base em listas de e-mails compradas a empresas especializadas ou com os e-mails registados no site da própria empresa. Utilizando este serviço, podemos saber quantas pessoas viram a newsletter ou visitaram o site da empresa através dos links na newsletter.

As vantagens deste serviço são claras: baixos custos de produção e envio, marketing mais direccionado para o público-alvo e possibilidade de saber que tipo de conteúdos foram vistos por esse mesmo público. Quando usamos este serviço importa permitir a quem recebe a newsletter poder eliminar o nome da lista de e-mails a qualquer momento, de uma forma rápida e simples.

Outro serviço popular, e de algum modo já tradicional, é a colocação de anúncios de publicidade em sites ou portais. Os custos de produção são um pouco mais elevados. Consoante o site, as possibilidades de anunciar também variam. No entanto, é normal podermos escolher as horas a que o nosso anúncio aparece, o número de vezes por dia que é visualizado e direccionar o anúncio para os conteúdos das páginas do site ou portal. Para aceder ao site da empresa basta ao visitante clicar no anúncio e será redireccionado para o site da empresa.

Um novo serviço de marketing que surgiu com as empresas nascidas com a internet foi o “Google Ad-words”. O conceito é muito simples, mas eficaz. As empresas compram o seu espaço de publicidade no motor de pesquisa “Google”, através de palavras-chave escolhidas de acordo com o seu negócio. Quando um visitante utiliza uma determinada palavra ou expressão no motor de pesquisa, aparecem no lado direito todas as empresas que estão associadas àquela palavra-chave. Se o visitante clicar no link de uma dessas empresas o site Google debita o valor que a empresa se predispôs a pagar por esse link. Para as empresas, independentemente da sua dimensão, esta é uma forma muito barata e simples de fazer publicidade, para a empresa Google são milhares de euros que entram todos os dias nos cofres.

Com o desenvolvimento e criatividade das novas empresas da Internet surgem quase todo os dias novas formas de fazer marketing ou comercializar produtos e serviços.

As propostas para serviço de marketing serão cada vez mais segmentadas, procurando que as empresas atinjam o alvo mais facilmente, ao mais baixo custo e com o máximo retorno.

Muitas empresas à escala mundial já vendem produtos e serviços em sites de leilões, por exemplo. Noutros sites, freelancers de todo o mundo vendem os seus serviços a grandes empresas, que procuram serviços de qualidade a baixos preços. A verdade é que pequenos comerciantes e empresários em nome individual conseguem ganhar uma maior projecção que seria difícil usando os meios tradicionais de marketing, já que são necessários grandes recursos financeiros e técnicos.

A Internet dia após dia vai mudando a forma de fazer negócios. As grandes empresas não conseguem chegar a todo o lado e os empresários de pequena dimensão conseguem aproveitar os nichos de mercado que não são tão bem cobertos por elas. Com um pouco de imaginação e muita entrega todos têm espaço neste novo mundo globalizado, basta não perder as oportunidades que surgem e procurar sempre novas formas de vender os produtos e serviços prestados.